POLÍCIA PRENDEU MANDAGUARIENSE QUE MATOU MULHER NUM MOTEL DE SARANDI

Na tarde da quarta-feira, 12 de setembro, o empresário de Mandaguari Paulo Roberto Almeida, 29 anos, marcou encontro pela internet com Luana Alves, 30 anos, moradora de Maringá. Eles foram para um motel de Sarandi e após o programa, ela sabendo que ele era empresário queria receber mais que o contratado.  Na discussão, ela teria ameaçado contar para a família dele. Paulo, perdeu a calma, deu um murro no nariz da mulher, ela caiu e ele a estrangulou. Momentos depois, ele saiu do motel com o Fiat Uno e desovou o corpo no km 3 da Estrada Promessa, em Mandaguari. No local, os Policiais Militares Rodrigo e Maik encontraram, além dos documentos de Luana Alves, 30 anos, uma toalha com o nome de um motel de Sarandi. O delegado Zoroastro Nery, o investigador Ronaldo e a equipe da Polícia Civil foram ao Motel de Sarandi e pela filmagem identificaram e prenderam por volta das 23 horas, em sua casa, nas proximidades da Praça Bom Pastor, em Mandaguari,  o empresário, que confessou o crime. O Fiat que continha manchas de sangue, foi recolhido para a delegacia e Paulo Roberto autuado em flagrante pela crime cometido. 

Rubens Silva 

Categoria:Diario De Mandaguari

Deixe seu Comentário