Operação investiga roubo de carga no PR e outros Estados

POR: AGÊNCIA BRASIL


Por Letycia Bond -  Uma força-tarefa composta por 450 agentes da Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal e da Polícia Militar de Goiás deflagrou hoje (10) a Operação Hicsos II, que investiga um esquema de roubo de cargas em diversas cidades do país. Com o apoio do Ministério Público de Goiás, a equipe cumpre 91 mandados judiciais em cidades dos estados do Paraná, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, de Santa Catarina e no Distrito Federal. Do total, 40 mandados são de prisão.

Segundo as corporações, empresários do comércio e políticos estão envolvidos nos crimes, incluindo uma vereadora suplente que teria lavado dinheiro para integrantes da organização criminosa. Sua ligação com os delitos teria sido confirmada após a detenção de seu marido, na primeira fase da operação.

Acusados de movimentar cerca de R$ 30 milhões, os envolvidos responderão pelos crimes de roubo qualificado, cárcere privado, lavagem de dinheiro, organização criminosa, tráfico de drogas e receptação.

Na primeira fase da operação, a Hicsos I, 104 envolvidos foram presos. Os policiais recuperaram 15 armas de fogo, 15 veículos e mais de R$ 500 mil em cargas.

A tática dos criminosos consistia em abordar caminhões em rodovias, utilizando falsas barreiras e até mesmo equipamentos que dificultavam o rastreamento dos veículos. Após identificar cargas de alto valor nos caminhões, o grupo anunciava o assalto.

A operação prendeu neste dia 10 de agosto, no Jardim Esplanada, em Mandaguari, um haitiano, acusado de fazer parte da organização criminosa. A Polícia Federal deve divulgar nota a imprensa sobre o resultado final da Operação.

Rubens Silva 

Categoria:Diario De Mandaguari

Deixe seu Comentário